Sérgio Inácio Chichava

 

Investigador

Grupo de investigação: Cidadania e Governação

sergio.chichava@iese.ac.mz

Áreas de trabalho

Economias emergentes e Desenvolvimento com o foco para o Brasil e Moçambique

Eleições, Democracia, Estado, Identidades.

Projectos de investigação

Educação

Doutor em Ciências Políticas (Instituto de Estudos Políticos de Bordéus – Universidade Montesquieu – Bordéus IV) com a tese sobre «”O velho Moçambique. Estudo sobre a Identidade Politica da Zambézia»; Mestre em Ciências Políticas (Instituto de Estudos Políticos de Bordéus – Universidade Montesquieu – Bordéus IV); Licenciado em Administração Pública (Universidade Eduardo Mondlane); Bacharel em Ciências Sociais (Universidade Eduardo Mondlane.

Resumo do percurso profissional

Nascido a 25 de Novembro de 1974 em Maputo, Moçambique. É Investigador do IESE desde 2007. Professor na Universidade Eduardo Mondlane.

Publicações

 

2015 (com Luís de Brito, António Francisco and Carlos Castel-Branco). Desafios para Moçambique, 2015 [Challenges for Mozambique, 2015]. IESE: Maputo
2014 (com Luís de Brito, António Francisco and Carlos Castel-Branco). Desafios para Moçambique, 2014 [Challenges for Mozambique, 2014]. IESE: Maputo
2013 (com Luís de Brito, António Francisco and Carlos Castel-Branco). Desafios para Moçambique, 2013 [Challenges for Mozambique, 2013]. IESE: Maputo
2012 (com Luís de Brito, António Francisco and Carlos Castel-Branco). Desafios para Moçambique, 2012 [Challenges for Mozambique, 2012]. IESE: Maputo
2011 (com Luís de Brito, António Francisco and Carlos Castel-Branco). Desafios para Moçambique, 2011 [Challenges for Mozambique, 2011]. IESE: Maputo
2010a. (com Carlos Castel-Branco, Luís de Brito e António Francisco,organizadores). Economia Extractiva e Desafios de Industrialização em Moçambique. IESE: Maputo.
2010b. (com Carlos Castel-Branco, Luís de Brito e António Francisco, organizadores). Pobreza, Desigualdade e Vulnerabilidade em Moçambique. IESE: Maputo.(pdf)
2010c. (com Carlos Castel-Branco, Luís de Brito e António Francisco, organizadores). Protecção Social: Abordagens, Desafios e Experiencias em Moçambique. IESE:Maputo.(pdf)
2010d. Movimento Democrático de Moçambique: uma nova força política na democracia moçambicana?: Cadernos IESE nº2 (Setembro). (pdf)
2010e. (com Luís de Brito, António Francisco and Carlos Castel-Branco). Desafios para Moçambique, 2010 [Challenges for Mozambique, 2010]. IESE: Maputo
2009a. Armando Guebuza e a pobreza em Moçambique. IDeIAS 12, 06 de Maio de 2009, Sérgio Chichava, Instituto de Estudos Sociais e Económicos (IESE).(pdf)
2009b. (with Luís de Brito, Carlos Castel-Branco e António Francisco, editors). Southern Africa and Challenges for Mozambique. IESE: Maputo
2009c. (com Luís de Brito, Carlos Castel-Branco e António Francisco, organizadores). Cidadania e Governação em Moçambique. IESE: Maputo
2009d. (with Luís de Brito, Carlos Castel-Branco e António Francisco, editors). Reflecting on Economic Questions. IESE: Maputo
2008a. Por Uma Leitura Sócio-Histórica da Etnicidade em Moçambique, Discussion Paper nº 01/2008. (pdf)
2008b. Orçamento Participativo: Um Instrumento da Democracia Participativa. IDeIAS 3,17 de Outubro de 2009, Sérgio Chichava, Instituto de Estudos Sociais e Económicos (IESE). (pdf)
2008c. Mozambique and China: from politics to business?, Discussion Paper n°05/2008. (pdf)
2007a. Le phénomène Chupa-sangue em Zambézie: la “politique par le bas” en réaction à la politique du Frelimo? (pdf)

Artigos em preparação

2009a. Podem nos matar, mas não queremos aldeias comunais! Os camponeses e a política de socialização do campo na Zambézia.
2009b. Sociologia histórica das relações entre a Zambézia e a Frelimo.

Teses e dissertações académicas

2007. Le vieux Mozambique: Étude sur l’identité politique de la Zambézie.” (pdf)
2003. Mozambique: La démocratie vue d’en “bas”: la perception de la démocratie selon les milieux sociaux urbains.

Comunicações apresentadas em Conferências Académicas

2009a. Mozambican democracy: Research Notes, comunicação apresentada no Workshop “Transition to What? African Liberation- and Pro-Democracy Movements’ (Anti) Democratic Heritage” realizado em Bergen, Noruega, Fevereiro. (pdf)
2009b. “Por que Moçambique é pobre?”. Uma análise do discurso de Armando Guebuza sobre a pobreza. II Conferência do IESE. (pdf)
2008a. .Une province rebelle. Le sens du vote zambézien en faveur de la Renamo, comunicação apresentada no Workshop da Associação Americana de Ciências Políticas (APSA) sobre “participação política” realizado em Dakar, Junho-Julho.
2008b. Discurso político e pobreza em Moçambique. Uma análise crítica, comunicação apresentada no Congresso Internacional de Analise Política sobre África ” pensar a Republica, Instituto de Estudos Políticos de Bordéus, 1-4 de Setembro
2008c. The Swiss in the Portuguese empire. Integration in and relation to Colonialism, comunicação apresentada no Workshop sobre Diaspora, Empire and the making of a Lusophone world, University of Oxford, 25-26 de Setembro
2008d. China and Mozambique: history of an ambiguous relationship, comunicação apresentada na Universidade de Oxford no quadro do estágio pós-doutoral, 27 de Outubro
2007. Os chefes “tribais são fantoches”! A Frelimo e o poder tradicional durante a luta anticolonial na Zambézia, Departamento de Arqueologia e Antropologia. Universidade Eduardo Mondlane, 25 de Outubro. (pdf)

Artigos Públicados na Imprensa

2008a. .Barack Obama: A lição da América para a África. O País, Maputo, 18-25 de Janeiro (pdf)
2008b. O estado da nação é muito bom! Para quem? O País, Maputo, 8 de Fevereiro. (pdf)
2008c. Moçambique. Do paternalismo autoritário à privatização do Estado, O País, Maputo, 18 de Março.
2008d. Eneas Comiche e Daviz Simango: porque “caíram”?, O País, 26 de Setembro

 

 

 

 

Copyright © 2016 Instituto de Estudos Sociais e Económicos.
Professional website development by Independent Software in Maputo, Mozambique